I

LEITORES DO TIANGUÁ AGORA!

MUITO GRATO POR SUA VISITA, E UMA BOA LEITURA À TODOS!.

CURTA O TIANGUÁ AGORA NO FACEBOOK!

TIANGUÁ AGORA - ÚLTIMAS NOTÍCIAS!!!

ATENÇÃO TORCEDORES BETS13 O SEU SITE DE APOSTAS ONLINE

ATENÇÃO TORCEDORES BETS13 O SEU SITE DE APOSTAS ONLINE
NÃO PERCA TEMPO E CLIQUE NA IMAGEM PARA FAZER A SUA APOSTA

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!
NO ARMAZÉM PARAÍBA DE TIANGUÁ!

CURTA O TIANGUÁ AGORA NO FACEBOOK!

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET BANDA LARGA AGORA FIBRA ÓPTICA!

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET BANDA LARGA AGORA FIBRA ÓPTICA!
EM SOBRAL, UBAJARA E TIANGUÁ - FONES: (88) 3611-5346/99244-7730/9931-8511/3671-1144/99428-2616/99739-8777

CURTA A MAIS NOVA PÁGINA DESTE BLOG, NO FACEBOOK!

ACIDENTE DE TRÂNSITO COM VÍTIMA, LIGUE LOGO!

ACIDENTE DE TRÂNSITO COM VÍTIMA, LIGUE LOGO!
RUA VEREADOR MANOEL FROTA 539 - CENTRO - TIANGUÁ/CE

FAZENDO VALER SUA IDEIA!

FAZENDO VALER SUA IDEIA!
FAÇA AQUI SUA DIVULGAÇÃO!

FAÇA SUAS COMPRAS SEM SAIR DE CASA

FAÇA SUAS COMPRAS SEM SAIR DE CASA
ATENDIMENTO DELIVERY DO SUPRA SUPERMERCADO LIGUE: (88) 9-9210.0302/9-9737.3611/9-9434.7201

terça-feira, 14 de junho de 2016

QUADRA CHUVOSA: 2016 ESTÁ ENTRE OS 10 ANOS MAIS SECOS DO CEARÁ

O Ceará não só fechou a quadra chuvosa - de fevereiro a maio - abaixo da média, com 329,3 mm de precipitação e desvio negativo de 45,2%, como 2016 entrou na lista dos dez anos mais secos da região desde 1951. 

Desde 2012, o Estado tem apresentado precipitações abaixo da média histórica, chegando ao quinto ano consecutivo de estiagem.

O mês mais crítico do período chuvoso deste ano foi fevereiro, com -55,3%, seguido de abril (-47,8%), maio (-46,6%) e março (-36,2%). A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) ressalta que, segundo a climatologia, março e abril são os meses mais chuvosos, com média de 203,4 mm e 188 mm, respectivamente, enquanto, em fevereiro, a média mensal para o Ceará é de 118,6 mm. Já maio alcança somente 90,6 mm.

O presidente da Funceme, Eduardo Sávio Martins, mostrou preocupação ao comentar sobre resultado de quadra chuvosa. "A gente tem certeza da chuva no primeiro semestre e a certeza de que não chove no segundo semestre. As chuvas do segundo são muito pequenas. Mais de 90% das chuvas acontecem no primeiro semestre. Agora é uma preocupação, porque já sabemos o que vem pela frente", disse ele.

Na quadra chuvosa deste ano, a região Jaguaribana foi a macrorregião mais afetada com desvio percentual negativo de 54,5%. O menor desvio registrado ocorreu no Litoral de Pecém, com -25,1%. O Litoral de Fortaleza apresentou desvio de -39,1%.

Piores precipitações

Desde 1951, o ano de 1958 registrou o pior desvio, com -65,9%. Em seguida, a lista da Funceme tem os anos de 1998 (-59,8%), 1993 (-51,8%), 1951 (-51,1%), 2012 (-49,7%), 2010 (-49,6%), 1983 (-48,8%), 2016 (-45,2%), 2013 (-39,3%) e 1970 (-39%).

Fatores

O resultado de quadra chuvosa abaixo da média já havia sido previsto pela Funceme em 2016, quando o órgão divulgou o primeiro prognóstico, em janeiro. 

Entre os fatores determinantes para o período seco, estão as condições do Oceano Atlântico tropical com predominância de áreas neutras e mais aquecidas, tanto ao norte quanto ao sul do Equador, e a atuação do fenômeno El Niño, na categoria forte, no oceano Pacífico Equatorial.

Conforme as análises da Funceme, os padrões oceânicos acabaram afetando o posicionamento da Zona Convergência Intertropical (ZCIT), principal sistema indutor de chuvas na região.

AUTOR: O POVO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos.

O TIANGUÁ AGORA descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

TIANGUÁ AGORA NO TWITTER!

Real Time Analytics